Uso das Redes Sociais na Educação

Você já reparou quantas pessoas participam das mesmas redes sociais que você? Você já contabilizou quantas delas compartilham as mesmas ideias ou os mesmos grupos? Atualmente mais de 850 milhões de pessoas no mundo inteiro participam de alguma rede social. Hoje 85% dos brasileiros que navegam na internet já utilizam as redes sociais virtuais para manter relacionamentos e trocar informações.

Rede Social Educacional AtéPassar em Concursos Públicos

Hoje as redes sociais favorecem a cultura do conhecimento, a troca de informações e a participação em grupos de interesses comuns. Para os que utilizam essas plataformas online em busca de conhecimento, é fundamental sua participação ativa para fortalecer vínculos com outros usuários.

Quando falamos em redes sociais, não nos referimos somente ao Facebook, Orkut, ou Twitter, existem diversas redes com diferentes funcionalidades. O Até Passar, por exemplo, é uma rede social educacional que permite dinamicidade na troca de informações entre professores e estudantes, possui ferramentas de organização de plano de estudos, formação de grupo de estudos com os mesmos interesses, entre outras usabilidades.

Ter o fácil acesso a um ambiente comum para alunos e professores facilita a difusão do conhecimento e a interação social entre estudantes. Ao utilizarmos tecnologias de informação de forma específica e massiva com o objetivo de aprendizagem estamos fortalecendo os vínculos sociais entre alunos e professores onde operam diversas ferramentas atrativas e dinâmicas.

As redes sociais educacionais em âmbito pessoal possuem um enorme atrativo aos seus usuários ao se relacionarem com outros usuários com objetivos comuns. Se sua meta é passar em concursos públicos, ou passar em vestibulares, o anseio de compartilhar experiências em grupo torna evidente a necessidade pré-estabelecida da interação humana.

Essa necessidade de compartilhar experiências é o que torna uma rede potencialmente ativa e promissora, permitindo aos estudantes criar relações sociais, assim como atender as exigências de seu aprendizado. Essas redes sociais educacionais possuem o valor de complementar o aprendizado informal e formal, que as instituições de ensino devem complementar com a utilização dessas ferramentas como novos recursos acadêmicos.

As ferramentas online não alteram o objetivo de aprendizagem, porém facilita a compreensão e introduz novas metodologias de ensino, agregando mais valor à Educação.

Comunicação em Redes Sociais Educacionais

A comunicação social em rede envolve a atividade de se relacionar e se expressar mediante plataformas online permitindo acesso e trocas interativas de relações sociais virtuais, assim como o fato de seguir um amigo, fazer comentários, participar de chats, grupos, etc.

No ambiente educativo, a capacidade de comunicarmos com grupos de pessoas com os mesmos interesses é extremamente fácil, basta relacionar nossa busca em grupos formados de estudos e contatar esses usuários. A comunicação direta entre os usuários de uma rede se transmite por meio de mensagens privadas em páginas de recados ou compartilhadas entre todos os usuários de uma rede permitindo assim a possibilidade de agregar novas ideias e discussões sobre determinados assuntos dentro do mesmo grupo.

Grupos de Estudo Online

Nas redes sociais estudantes e educadores podem criar grupos de estudo que podem ser abertos para todos da rede, ou grupos fechados. A facilidade em criar grupos de estudo permitindo trocas de materiais aumenta a interação entre usuários do mesmo grupo e fortalece essas redes sociais educacionais.

Grupos de Estudo - AtéPassar Concursos

Os grupos de estudo de redes sociais educacionais podem ser:

  • Grupos de estudo para turmas de um determinado Curso, Classe, ou Instituição de Ensino.
  • Grupos de disciplinas específicas em que o professor pode compartilhar seus materiais, comentar exercícios, compartilhar seus conhecimentos sobre determinados assuntos.
  • Grupo de estudo para áreas específicas em concursos públicos ou vestibulares.

Esses grupos de estudo garantem a versatilidade das redes sociais.

Redes Sociais para Fins Educativos

As redes sociais para fins educativos permitem centralizar em um ambiente online todas as atividades de ensino complementadas pela troca de informações dos usuários da rede e alimentadas pelos professores e seus estudantes.

A melhora na produtividade por meio de ferramentas disponibilizadas nessas plataformas permite que estudantes criem e gerenciem seu desempenho bem como sua evolução no aprendizado.

O aumento da proximidade entre professores e estudantes nas redes educacionais fortalece os vínculos sociais em ambiente presencial permitindo assim uma melhora na cultura educacional nos centros de ensino, entre esses e outros motivos, as redes sociais educacionais evidentemente contribui para o aprendizado quando utilizadas com responsabilidade e sabedoria pelos difusores da informação.

Categorias: Redes Sociais

Comentários

  1. donsergione disse:

    uma simples pergunta será que as redes sociais vão substituir o carinho e olhar amigo do amado mestre, fica aqui registrada minha humilde opinião

  2. [...] aprendizado quando utilizadas com responsabilidade e sabedoria pelos difusores da informação.  http://blog.atepassar.com/uso-das-redes-sociais-na-educacao/ Acesso em [...]

  3. Cláudia disse:

    Um livro muito bom sobre o tema: a utilização das redes sociais na educação.

    http://clubedeautores.com.br/book/50369–A_Utilizacao_das_Redes_Sociais_na_Educacao

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com (*).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

©2014 AtéPassar.com. Todos os direitos reservados. CPNJ: 13.283.895/0001-99